O que de melhor eu tenho. Pra sempre. ♥

Com o que eu devo começar?
Com um “Eu te amo”? Tão pouco e pequeno perto do meu sentimento por você.
Agradecendo por tudo que já fizestes por mim?

Na verdade, eu não sei como começar esse texto, não faço ideia de como organizar as palavras para fazerem sentido. Elas fogem, embaralham, se confundem. Mas eu vou tentar. Com todo o meu coração,  amor e sinceridade.

Há 19 anos, desde que eu nasci. Eu passei a ser a caçula, você sempre me mimou, nunca teve ciúmes de mim e sempre cativava um pedacinho a mais de amor no meu coração. Com o seu jeito doce, sempre do meu lado pra tudo, me fazendo rir ou cuidando das minhas lágrimas. Às vezes dizendo uma palavra doce que confortava o meu coração, simplesmente. Quando eu penso em ti, mil lembranças de momentos que costumavam fazer parte de nossas rotinas e que marcaram minha vida pairam na minha mente. Viagens, conversas, jogos de futebol, shows, festas, experiências na cozinha, guerra de travesseiros, cinemas, brincadeiras, abraços, sorrisos. Tudo tão vivo ainda, sou tão capaz de sentir tudo como se tivesse ocorrido ontem. Você me ensinou a ser o que sou hoje (claro, se fosse por influência sua eu seria uma pessoa muito mais calma e paciente, mas isso eu não consegui tá, maninho?).

No entanto, tudo que eu assisto, todas as recordações e influências de infância que tive foram por causa de você. Parávamos por horas pra assistir animes, comprar álbuns e colecionar figurinhas, brincávamos de soquinho, “lutinhas”, cartas, corridas, futebol e todos os esportes. Aprendi a não ser a típica garota fresca e que não faria as coisas por medo de quebrar uma unha e passei a ser a companhia e ouvido pra todos os passeios que você curtia. (é, por isso sou uma amiga excelente pra meninos, curto de tudo, não é mesmo? Sou um menininho com alma e corpo de menina, talvez. risos). Passávamos madrugadas acordados para assistir filmes, acordávamos o mais cedo possível pra assistir aquele jogo. Acho que só temos uma pequena diferença de gostos, certo? O Flamengo nos une e amamos desde que nascemos. Mas, você prefere o Madrid, eu sou culé roxa, você gosta do Nadal, eu sou federista apaixonada. Acho que já briguei e fui tão grossa contigo por causa de piadas que fizestes em dias de clássicos. Nunca foi por mal, você me conhece, eu não controlo minha língua, hehe. E eu sei que, apesar de tudo, você simplesmente queria me fazer rir das piadas, e não ficar brava e estressadinha (desculpe de novo por isso!).

Existem momentos mais especiais que eu guardo comigo, dou risada e acolhem meu coração quando eu lembro. Acho que eu nunca vou esquecer o quanto você festejava quando eu fazia um gol, vários apelidinhos bestas e tardes de tanta diversão. Daquele dia de 2009 que estávamos alucinados por mais um título e rodamos o Rio de Janeiro inteiro com a bandeira nas costas, abraçados e buzinando com o grito de ‘É CAMPEÃO’ que estava engasgado? Ou de uma tarde de férias que tinha tudo pra ser igual e você me puxou pela mão e brincamos de cozinheiros por um dia. (e sujamos a cozinha absolutamente TODA, a ponto de termos que jogar água em tudo com pano porque estava toda suja de chocolate), do quanto você sempre se oferecia pra fazer algo que eu gostava pra comer, era sempre o prato mais especial e gostoso, com os ingredientes mágicos da floresta encantada (lembra como eu acreditava? até nomes especiais os pratos tinham), ou de como você parava e sentava do meu lado quando eu ia escrever uma carta de pedidos ao Papai Noel. Tudo tão besta, não é? Não é. Não sou capaz de esquecer nem um segundo de cada um desses momentos. Aquele momento único no Rock in Rio, o qual você me colocou nos ombros (depois de eu, sem jeito e coordenação ter quase caído e te derrubado junto comigo, rs) em Fix You, me deixou cantar a música toda (desculpe se eu estava pesada, sorry ;P) e quando eu desci, eu pedi um abraço em meio a muitas lágrimas e você me deu. E aquela viagem, que acordamos mais cedo que todos, pegamos duas panelas e acordamos todos à base de batucadas por vingança do dia anterior? E as risadas que demos naquele dia da polícia em direção à Região dos Lagos? Gargalhadas que me faziam me contorcer de tanta alegria. Tantos momentos, muitos que não vou conseguer descrever ainda assim aqui. Tão puro, tanto amor, como isso tudo cabe em mim? Me explica.

E você sempre fez tudo por mim. Sabia que eu ficava brava a cada vez que perdia alguma “competição”, fazia bico, ficava chateada.. mas era justa a minha derrota, eu era mais fraquinha ou pior jogando mesmo. E, ainda assim, você fingia que tudo estava bem, e perdia propositalmente só para ver meu sorriso no rosto, momento que eu acreditava que realmente tinha vencido (lógico, depois que cresci eu percebo o quanto você sacrificou coisas, momentos e até “vitórias” suas por minha causa). Quem vai cantar Faroeste Caboclo comigo? Quem vai pegar o violão à noite, sem preocupações e cantar as nossas músicas favoritas? Não sou muito boa em expressar as vezes sentimentos, só sou capaz de chorar quando olho nos olhos de alguém que amo TANTO assim. Me acho e vejo que talvez tenha sido tão egoísta e tão estúpida por momentos. Sempre pensando em mim, mas nunca foi por mal, eu sei que você sabe disso. E você sempre me pareceu feliz e gargalhava junto comigo. Talvez nunca tenha conseguido olhar pra ti e te dizer o quão grata eu sou por ter você na minha vida esse tempo todo, o quanto feliz e momentos inesquecíveis nós passamos e ainda vamos passar juntos, o quão especial você é. Me perdoa por isso, não fui capaz de fazer isso enquanto você estava todos os dias aqui, do meu lado.. Eu te amo mais do que qualquer coisa que você possa imaginar, seu besta. O elo que eu tenho contigo não é somente de sangue. É sangue, alma, coração, tudo. Pra sempre. Eu sei que você tá feliz, isso basta pra eu conseguir aguentar a falta que vai me fazer cada pedacinho dessas coisas a partir daqui. E sei também que você vai sempre estar aqui e não vamos nos afastar, acho que só vamos amadurecer e criar vidas novas e felizes, com muito sucesso pra nós dois, né? Mas eu quero você sempre aqui, sempre junto de mim, podendo ver teu sorriso e ouvir a sua voz. E sempre te abraçar da maneira mais forte que eu conseguir, tentar te mostrar um pouquinho de tudo isso que eu carrego junto comigo. Você é a melhor pessoa que eu conheço na vida. É o melhor filho, o melhor irmão e tenho certeza que vai ser o melhor marido e pai. E vou estar nessa caminhada junto contigo, te dando a mão. Você é minha outra metade. EU TE AMO DEMAIS, MEU BRO LINDO. PRA SEMPRE.

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: